Conflitos no trabalho? Como gerir

No teu local de trabalho depositam expectativas demasiado elevadas em ti? Os teus colegas têm uma personalidade oposta à tua? Estes podem ser os motivos pelo quais conflitos no trabalho são uma realidade.

A gestão de conflitos no trabalho é essencial para a sobrevivência profissional e deve ser amplamente praticada. O primeiro passo é aceitar que o problema não é da responsabilidade exclusiva de
uma única parte e que podes começar por melhorar a tua atitude. Encontras, neste artigo dicas que te podem ajudar a ser um ótimo colega.


👉Levanta questões

A forma como revelas uma nova sugestão à equipa de trabalho é um aspeto capaz de influenciar a aceitação ou negação de uma proposta. Tiveste uma ideia excelente que gostavas de ver executada, mas os teus colegas de trabalho não a apoiam? Experimenta uma nova abordagem.

Começa por substituir as afirmações por perguntas que assentem na opinião dos recetores. Isto permitirá que todos se sintam mais envolvidos no projeto e que as chances de demonstrarem uma atitude positiva face à sugestão seja mais provável. Deves ainda abdicar de qualquer comentário que reafirme a origem da ideia como algo teu, mas sim da equipa, de forma a que todos desenvolvam um sentimento de orgulho perante ela e, consequentemente, aumentem, exponencialmente, a sua motivação durante a execução.


👉Está disponível

O potencial de um elogio nunca deve ser desvalorizado. Contudo, nada é pior que um elogio forçado. Esforça-te por encontrar um equilíbrio aquando a valorização do trabalho de um colega: se por um lado não deves deixar que o seu esforço passe em branco, por outro não deves exagerar no seu reconhecimento. O ideal é mostrar apreço honesto e
sincero.

Nesta linha de raciocínio, pedir ajuda é um passo importante na melhoria do ambiente de trabalho, na medida em que reconheces o valor dos teus colegas de uma forma natural e muitas vezes carente do elogio verbal, recorrendo, assim, a um elogio subtil mas infalível. Não te esqueças de agradecer o tempo que despenderam contigo e demonstrar a tua disponibilidade para ajudar caso necessitem.


👉Tem cuidado com as críticas

O primeiro instinto de qualquer pessoa quando confrontado com uma crítica ao seu trabalho é defender a sua posição. O ser humano tende a não dedicar tempo à sua autocrítica, portanto, criticar o trabalho de alguém pode ser levado como uma afronta. O problema estaria resolvido optando por eliminar as críticas do nosso espaço de trabalho, no entanto, elas são imprescindíveis a qualquer função desempenhada.

Desta forma, antes de apontares o dedo a alguém inicia a conversa introduzindo um erro que já cometeste no passado. Esta atitude irá ajudar a que a pessoa sinta que ambos estão no mesmo patamar e auxiliar na perceção da crítica como construtiva. Lembra-te destas sugestões quando tu fores o alvo da crítica.