Como Entender a Manipulação no Marketing?

Segundo o professor universitário Philip Kotler, o marketing é definido como «a ciência e a arte de explorar, criar e atribuir valor para satisfazer a procura do mercado alvo». No entanto, além de suprimir necessidades existentes, o marketing consegue criar outros desejos que as pessoas não sabiam que tinham. Além disso, procura saber se as marcas têm visibilidade suficiente para o público criar ligações com ela.
É nestes princípios que se baseia a manipulação no marketing. No artigo de hoje, iremos explorar e compreender como pode perceber se uma marca está ou não a tentar manipulá-lo enquanto consumidor.

Este é o Segredo para a Sensibilização da Saúde Mental no Marketing

A Saúde Mental é um tema que tem vindo a ser cada vez mais falado de modo a acabar com o estigma que ainda existe. Neste sentido, é uma temática da qual as grandes empresas se aproveitam para fazer negócio. Venha aprender mais sobre o tema!

As vantagens e dicas do E-Mail Marketing

Tal como já abordado no artigo anterior, o E-Mail Marketing é uma estratégia de comunicação direta que poderá ser benéfica para o seu negócio. Contudo, além de ter conhecimento dos seus benefícios, importa demarcar várias dicas a ter em conta, enquanto se recorre a esta metodologia. Venha descobrir mais!

Engagement Marketing: a hora da conexão chegou.

Engagement Marketing, também conhecido por Marketing Experiencial, corresponde à forma como os consumidores se conectam com a marca, em forma de reações e compartilhamentos. Esta tipologia de Marketing visa incentivar as pessoas a fomentar a evolução da marca, no que toca ao envolvimento com o cliente, de forma a que este assuma um papel de agente de Engagement Marketing.
O Marketing Experiencial distingue-se das estratégias tradicionais de marketing e do marketing direto, uma vez que os clientes têm a capacidade de escolher quais mensagens querem receber e em que canais. O Engagement Marketing inicia-se, portanto, a partir do momento em que o consumidor reage à marca e desencadeia um diálogo – por exemplo, quando pede mais informações sobre o produto proporcionado pelo negócio em questão.

Como comunicar com empresas

Atualmente, a comunicação com empresas revela-se essencial não só no contexto do associativismo, como a nível individual. Porém, esta revela-se desafiante não só na decisão de qual o método e abordagem mais eficazes, como na obtenção de uma resposta positiva.

Branding

É normal conhecermos várias marcas, mas apenas lembrarmo-nos de uma ou outra quando pensamos em determinado produto. Tal deve-se ao facto de essa marca ter uma presença no mercado forte, de tal forma que fica na memória dos clientes. Esta presença vincada não é mais nem menos do que a gestão da própria marca a nível de identidade. Esta é geralmente elaborada através de estratégias de branding.