Rebranding Completo: o que é e como pode mudar o seu negócio

 

Muitas vezes, é necessário recorrer a medidas extremas para inovar e levar um negócio para a frente. Essa mudança pode passar exatamente por uma transformação total da imagem do negócio!

Ainda que possa ser benéfico para algumas, um novo desenho de marca não é o adequado para todas as empresas. De facto, algumas empresas podem até ser prejudicadas com uma má execução de uma nova imagem da marca, o que significa que, antes de se decidir efetuar um rebranding completo, devem analisar bem a sua situação e como devem proceder.

No artigo desta semana, ao abordar o terceiro tipo de rebranding – o rebranding completo -, iremos explicar-lhe como pode renovar completamente a sua marca, sem dar azo a erros e a antecipações.

 1. O que é um rebranding completo?

Um rebranding completo de uma marca envolverá todos os aspectos dela: um novo logótipo, uma nova paleta de cores, uma nova estratégia de marca, novos elementos visuais, novos materiais e plano de marketing, e, em alguns casos, poderá envolver um novo nome. Este é o tipo de rebranding mais significativo em termos de investimento e, frequentemente, em termos de risco e recompensa global.

O rebranding completo pode parecer um esforço enorme, por requerer meses de trabalho, várias correções e muitos indivíduos a quem agradar antes de poderem ser lançadas as alterações e a nova imagem da marca. Ainda assim, este pode possuir muitos benefícios, como o aumento das vendas ou o destaque do resto da concorrência. 

2. Motivos pelos quais uma empresa poderá querer rever totalmente a sua marca

Como já foi mencionado, é importante refletir nas motivações que podem levar uma empresa a realizar um rebranding completo da sua marca. Uma reformulação total da imagem de um negócio pode levar ao desastre se não for com as motivações certas. Algumas das motivações para um rebranding completo passam por:

  1. Pretende reposicionar-se no mercado: independentemente de ser um novo produto, novos preços ou um novo local, uma revisão total da marca pode ajudar a empresa a alcançar um novo segmento de mercado.
  2. Alteração nos valores da sua marca: as empresas estão em constante evolução, o que significa que os valores e objetivos podem mudar. Se outros aspetos da marca estiverem a ser alterados, poderá ser importante rever esta matéria.
  3. Expandir no Estrangeiro: se o plano for vender no mercado internacional, uma empresa poderá ter de atualizar a sua marca para que indivíduos de outras culturas também a compreendam. Isto é especialmente importante se a sua marca tiver sido muito localizada até à data.
  4. Caso adquira ou funda uma empresa: se um proprietário comprar uma nova empresa ou está a pensar fundir empresas, é importante atualizar a marca para refletir esta nova fase. 

Ainda assim, não é aconselhado uma marca ser atualizada sem um bom motivo, particularmente se se optar por fazer um rebranding total, sem a observação de uma agência especializada. Se uma marca for mudada com demasiada frequência ou os seus clientes não gostarem do seu novo design, pode ser muito prejudicial e confuso para os mesmos, que se voltarão então para os concorrentes.

3.Vantagens do Rebranding Completo 

Antes de decidir alterar completamente a imagem do seu negócio, é necessário analisar todas as vantagens que isso pode trazer ao seu negócio, uma vez que irá ajudar a fazer a sua escolha:

  • Conectar-se com um novo público: uma reformulação da marca pode ser tão benéfica para um negócio porque o irá certamente apresentar a um público mais vasto. Isto porque, no decorrer desta mudança, o negócio é analisado em profundidade, procurando novas formas de se integrar em diferentes segmentos de mercado.
  • A marca permanecerá atualizada: uma das maiores vantagens de rebranding de um negócio é que permite que este se mantenha atualizado num mercado em constante mutação.
  • Assegurar de que está a destacar-se dos concorrentes: ao optar por mudar a sua marca, será capaz de se destacar da concorrência, procurando sempre colocar o negócio numa posição em que os clientes percepcionam o produto ou serviço como único e inovador.
  • Mostrar para onde vai o negócio: enquanto as empresas crescem noutras áreas diferentes da inicial, esquece-se frequentemente do núcleo da marca, que poderá ou não permanecer o mesmo. Assim, ao optar-se por reformular o design completo da marca, esta está a certificar-se de que reflete sempre onde o negócio está no momento.
  • Torna a empresa mais lucrativa: talvez a vantagem mais importante de todas seja o facto de o rebranding completo representar uma alteração necessária para assegurar que o seu negócio seja o mais rentável possível.

Em suma, um rebranding completo necessita de ser algo planeado com tempo e calma, de modo a ser possível refletir e alterar as coisas que necessitam de novidade no negócio. Assim, não há como ser induzido em erro quando quiser alterar o “rosto” da sua marca! 

No entanto, este tipo de rebranding poderá não ser o mais adequado à mudança que quer implementar no seu negócio. Para conhecer as outras duas formas de trazer mudança no seu negócio, poderá ler o nosso artigo «Rebranding: o que é e o clique para a mudança».

A Young Minho Enterprise presta serviços de criação de websites.

Ainda não está convencido? Visite o nosso portfólio ou algumas páginas que temos em mãos, como a TecniBuild e BabeliUM.